0
setembro 13, 2013 Posted by GTA in Notícias na mídia

Ministra do Meio Ambiente é escolhida para receber prêmio da ONU

Foi anunciada nesta última quarta-feira (11), em Brasília, a escolha da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, como uma das vencedoras do prêmio Campeões da Terra, da Organização das Nações Unidas (ONU). O prêmio é considerado a mais importante premiação ambiental do Sistema ONU, e é destinado a líderes de governo, da sociedade civil e do setor privado que, de alguma forma, se destacam na atuação de políticas ambientais.

“Ser um campeão da terra é uma honra e também uma responsabilidade. Há pouco mais de um ano discutíamos metas ambiciosas na Rio+20, e hoje já podemos ver a concretização de algumas delas. A mudança de perspectiva sobre a importância do desenvolvimento sustentável é crescente. O prêmio dialoga com essas conquistas. É um reconhecimento da história, e também um convite para enfrentar os desafios do futuro. Sei que podemos contar com Pnuma e a ONU como parceiros”, afirmou a ministra, em nota divulgada pelo Pnuma, que é a agência das Nações Unidas para a promoção ambiental.

Izabella Teixeira será homenageada pela atuação na redução do desmatamento na Amazônia. Em sua gestão como ministra, foram implementadas políticas do uso da terra no Brasil que auxiliaram no controle e prevenção do desmatamento, como o Cadastro Ambiental Rural (CAR), um registro eletrônico obrigatório para todos os imóveis rurais, na visão da Pnuma.

O CAR tem como objetivo construir um banco de dados sobre a situação de Áreas de Preservação Permanente, de áreas de Reserva legal, florestas e áreas de posse rural do país e é considerado pelo governo federal um instrumento estratégico para o controle e monitoramento de florestas e vegetação nativa do país. O cadastramento é uma das medidas previstas pelo novo Código Florestal, aprovado em outubro do ano passado pelo Congresso Nacional.

De acordo com levantamentos do Ministério do Meio Ambiente, nos últimos oito anos o Brasil teve queda de 84% na taxa de desmatamento, com o índice de redução anual da cobertura verde caindo de 27 mil quilômetros quadrados, em 2004, para 4,5 quilômetro quadrados, em 2012.

Após o Brasil ter sediado a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável – Rio+20, em 2012, Izabella Teixeira foi nomeada para participar do Painel de Alto Nível do Secretário Geral da ONU de Pessoas Eminentes para a Agenda de Desenvolvimento Pós-2015. O painel aconselha a organização na definição dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e no modelo de desenvolvimento para após 2015.

O Campeões da Terra foi lançado em 2005 e já premiou 59 indivíduos e organizações por sua atuação em políticas ambientais. O prêmio deste ano será entregue em cerimônia no Museu Americano de História Natural, em Nova York, no próximo dia 18.

Fonte: Rede Brasil Atual

Foto: Elza Fiúza/ABR

Click to share thisClick to share this