0
outubro 26, 2012 Posted by GTA in Notícias da Rede GTA

Movimentos Sociais e ONGs ambientalistas organizam agenda de REDD+ para levar ao governo federal

Durante o evento, foi formada comissão que vai levar pauta para reunião no Ministério do Meio Ambiente no dia 08 de novembro

Movimentos sociais e ONGs se reuniram hoje, em Brasília, para reorganizar uma agenda comum de ações na área de REDD+ que será levada para debater com o Governo Federal.

O “Seminário da Sociedade Civil Organizada sobre a Estratégia Nacional de REDD+ (ENREDD+)” contou com representantes de 24 instituições de oito estados das regiões Norte, Centro-Oeste, Sul e Sudeste, que desenvolvem atividades ligadas ao REDD+.

A avaliação é que, apesar das demandas apresentadas pelos movimentos sociais, o governo federal há três anos não consegue avançar na agenda. "A mobilização da sociedade é fundamental para a discussão entrar na agenda do governo”, avalia Rubens Gomes, presidente do Grupo de Trabalho Amazônico (GTA), entidade que coordena o Observatório do REDD.

Durante o seminário, foi apresentado um balanço das discussões em torno do REDD+, tanto no Brasil como no exterior. Além das perspectivas de captação de recursos para apoiar projetos que conservem os biomas brasileiros e que garantam o direito das comunidades tradicionais.

Fernanda Carvalho, coordenadora de políticas públicas para mudanças climáticas da TNC, diz que o momento é oportuno porque agora a Estratégia Nacional de REDD, de iniciativa do governo federal, está tomando forma. “O Fundo Amazônia, o PPCDAM e algumas ferramentas do novo Código Florestal podem agora se tornar instrumentos integrados num arcabouço nacional de REDD+”, avalia. “Mas precisamos entender melhor o que a Estratégia trará de novo, ainda não está claro”, finaliza.

Ao final do evento os participantes produziram a minuta de um documento que estabelece uma agenda comum para os movimentos sociais e redes mobilizados em torno do REDD+. Uma comissão foi formada para apresentar os resultados em uma reunião no Ministério do Meio Ambiente, no dia 08 de novembro, com o Secretário de Mudanças Climáticas e Qualidade Ambiental – Carlos Klink.

Click to share thisClick to share this